.
..                    
.                                                               
Opinião    
                      

 

Artigos Temáticos

 

    Principal Opinião

 

Domínio Feminino

 

 

    Artigos
    Seguros
    Oportunidades
    Controle de Qualidade
    Pequenos empresários
    Serviços
    Mediação de Conflitos
    Mercosul
    Finanças&Investimentos
    Idéias
    Opinião
    Internacional

 

Seguros
    Enio Vieira
Fotográfos
    Jean-Marc
    Vantoen Pereira Jr.
Dentista
    F. J. Milheiro
Mercosul
    Marketeck/SA
Internacional
    International Food
    & Beverage Consulting
Serviços
    Pessoais

 

 

    A farsa

    O dia em que o Brasil enganou
    o mainstream midia internacional

       DominioFeminino
       
15, Junho/2013

 

Leia: Editorial

"Se o sangue ferveu quero lhe mandar o meu livro Reaja! "

               
           Órgãos da imprensa internacional informam sobre os recentes manifestos de estudantes ocorridos no Brasil, sem contudo, pesquisar com maior profundidade o cenário dos acontecimentos. Por preguiça ou por desconhecimento, o fato é que a imprensa internacional reverbera notícias sobre as quais ela não tem intimidade. Ao contrário da midia brasileira, ela o faz por conveniências econômicas e financeiras, o que para a nossa imprensa, não há perdão.

            Tudo o que tem-se publicado, quer seja pelo The Guardian, The New York ou El Pais, desafortunadamente, demonstra que a imprensa, em quaisquer países, anda preguiçosa, ou mal intencionada. Traduzem os fatos de forma singela, como apenas reflexos da economia brasileira com desempregos, quando a situação dos fatos são muito mais graves, pois que, é luta de um poder em fase definida como autoritaritarismo, pois que todos os acontecimentos são de conhecimento da Presidente da República, Dilma Rousseff, candidata ao segundo mandato e cuja campanha eleitoral foi antecipada, contra o que reza a Constituição brasileira, ainda inacabada..

               Alguns pequenos fragmentos de que estas manifestações poderia ser de conhecimento, ou tinham apoio de políticos, até fora dos mais extremistas. Este tuite do Sen. Cristóvam Buarque nos pareceu uma senha, na ocasião, dois dias antes do nício das manifestações. "Se o sangue ferveu quero lhe mandar o meu livro Reaja! ".

               Os protestos de ruas que se iniciaram no último dia 6/06/2013 em São Paulo Capital e que despois se estenderam para o Rio de Janeiro, capital, e outros estados, nada têm de indignação do povo brasileiro por motivos maiores, como situação econômica abalada do Brasil e seus reflexos na população e, muito menos contra os recorrentes escândalos de corrupção nos níveis Governo Federal e locais. Jamais, se justificaria tanta falsa indignação por apenas 0,20 centavos de $Real, nossa moeda corrente.

               O aspecto é unicamente político partidário. Esse é o intuito da esquerda do Partido dos Trabalhadores para empanar os escândalos da administração do governo do Brasil que pertence aos quadros do PT ( Partido dos Trabalhadores) bem como acuar do Governador do Rio de Janeiro, futuro governos pretendido pelo Partido dos Trabalhadores. Escândalos de currupção que vêm desde, e principalmente, do Governo do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, do mesmo partido político da atual presidente, Dilma Rousseff.

               O escândalo maior, conhecido como Mensalão ou Ação penal 470, tendo sido julgado pela Corte do Supremo Tribunal Federal, condenou à prisão, os melhores amigos do ex-presidente Lula da Silva e da Dilma Rousseff, conforme as fotos publicadas pelo Jornal O Globo. Ninguém do partido se conforma com a atuação e decisão da Sumprema Corte na condenação dos réus. Não porque a Suprema Corte tenha seguido estritamente a Constituição e o Direito Penal. Há na Suprema Corte, em sua maioria, membros sabidamente de ideias marxistas, assunto que o DominioFeminino tratou aqui neste artigo..

               Mais outros escândalos das administrações dos governos comunista do Partido dos Trabalhadores ainda estão em adiantadas investigações pela Polícia Federal e pelo Ministério Público. A situação no Brasil chegou a um ponto tão sério de restrições das atribuições das instituições que membros do Congresso nacional está em vias de quebra constituicional, criando lei que retira do Ministério Público autorização constitucionall de denunciar e investigar. Pois foi, com denúncia do Ministério Público que os escândalos têm vindo à tona e dando ao povo brasileiro conhecimento da corrupção massiva, tanto do Poder Executivo quanto do Poder Legislativo..

               Contudo, apesar da condenação dos chamados 'mensaleiros' por formação de quadrilha, dentre outros, os réus pretendem suas inocências, de acordo com a lei, pleiteando, revisão dos resultados do julgamento pela Suprema Corte. Durante o julgamentos toda sorte de falcatruas foram construídas pelo PT, para tentar tumultuar o julgamento, tudo com o aval da presidente Dilma Rousseff e o sombra-segundo-presidente Luis Inácio Lula da Silva e seu partido. O que há na verdade, é luta intestina de facções do Partido para manter-se no poder. ( leia... )

               Estas recentes manifestações também visam as eleições de 2014. As ações sob comando de outros partidos comunistas apoiam o senador Lindbergh Farias, Partido dos Trabalhadores / do Rio de Janeiro, que seria o pré-candidato ao governo do Estado do Rio de Janeiro, contudo o partido político, PMDB, que tem apoiado o governo federal do PT e é parte da base aliada, pretende ter se próprio candidato ao governo do Estado do Rio de Janeiro, cadidato do atual governador Sergio Cabral. O agravante para as manifestações foi que o senador Lindemberg Faria teve, por decisão do TSF ( Tribunal Superior Federal ), publicada na terça-feira (11), o ministro José Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), quebrou o sigilo bancário do senador Lindbergh Farias, por séria denúncia de corrupção por desvio de recursos públicos quando era prefeito do Município de de Nova Iguaçú, Estado do Rio de Janeiro. http://revistaepoca.globo.com/Brasil/noticia/2013/06/ministro-do-stf-quebra-sigilo-do-senador-lindbergh-farias.html.

               O atual senador Linbemberg Farias, conhecido como O Lindinho, foi lider e agitador estudantil em 1968, e filiado ao PSTU partido cuminista visceral, que provocou convulsão social no Brasil. Tal como se vê nas agitações do momento, e é precisamente este, o motivo mais visível. É preciso obesrvar as bandeiras do PSTU, antigo partido do senador Lindemberg Farias, e bandeiras do PSOL, todos partidos comunista tão radicais quanto o Partido dos Trabalhadores e o Partido da Causa Operária - PCO. Ainda outra observação ajudará a imprensa internacional a analisar o quadro brasileiro nestas ondas de protestos, uma farsa das Primaveras árabes é que, na maioria, seus membros usam capuzes e lenços, o que é totalmente proibido no Brasil. Existe garantido o direito de manifestação mas vetado o anonimato. E neste ponto, a reação policial fez-se demonstrar.

               A imprensa brasileira tem oferecido vastos espaços em toda a media, o que tem dado muito fôlego aos protestos, sem contudo ir mais fundo nas verdadeiras intenções políticas que passam pelo pano de fundo. Também a MSM internacional não consegue alcançar os problemas políticos internos pelos quais passa o Brasil. Seja The Guardian, The New York ou El Pais e abre espaço para interpretações totalmente erradas sobre estas manifestações.

               mmm.

Ler Editorial anterior

Alto

DF
Interativas

Amizade

ClubeDF

CtrlQualidade

Participe
Expatriates

Onça

Amor

Seguros

Socorro

Trabalho&

Negócios

Serviços

Separação

Moda

 

ElesPorEles

Viagem

Cultura

NetColun@

NetHumor

Brechando

Entrevistas

Mulher

JovensElas

Noivas/Noivos

Perfumes

Lar&Casa

Lojas

Saudável

Internacional

Lazer

Lojas

Temáticos

Editorial
Opinião
Editora
DF

[ Domínio Feminino © 1998-2013. Todos os direitos reservados. ] Brasil - Brazil We speak brazilian Portuguese